3 mitos sobre a saúde do seu joelho

mitos sobre a saúde do seu joelho

Hoje quero falar sobre alguns dos mitos sobre a saúde do seu joelho. O joelho é uma estrutura muito importante para o bom funcionamento do corpo e por isso requer alguns cuidados para evitar acidentes e lesões. Por desconhecimento, podem surgir informações erradas em relação à saúde da região.

Por isso, esclareço alguns mitos sobre o assunto. Lembre-se de manter em dia o acompanhamento médico e os exames de rotina.

Mitos sobre a saúde do seu joelho

MITO: Ser sedentário não prejudica a saúde do joelho

Assim como para as demais articulações do corpo, a falta de exercícios físicos e o sedentarismo podem causar prejuízos à saúde do joelho. Além disso, quando a falta de atividades está aliada ao sobrepeso, é possível que o quadro se desenvolva e cause degeneração da cartilagem do local.

Vale lembrar que, além de fazer bem para a estrutura do corpo,a prática de atividades físicas ajuda a reduzir o risco de doenças crônicas como diabetes e hipertensão, entre outros benefícios. 

MITO: Praticar esporte desgasta a cartilagem do joelho

Essa ideia é equivocada e pode ser perigosa, já que atividades físicas, realizadas de maneira apropriada, são sempre benéficas para o corpo. Na verdade, como dito antes, é a falta de exercícios, junto do excesso de peso, que pode levar a degeneração da cartilagem do joelho. A falta de exercícios também pode enfraquecer a região, já que ela não recebe estímulos em uma rotina sedentária. Clique aqui e entenda mais sobre o desgaste da cartilagem do joelho.

MITO: Quem sofre lesão não pode mais praticar atividade física

Essa afirmação também não procede. Na verdade, exercícios físicos podem ajudar a fortalecer músculos da região e a proteger as articulações. É claro que as atividades devem ser feitas de forma adequada, sem sobrecarregar o joelho e demais partes do corpo. É preciso respeitar a quantidade correta de repetições e de peso utilizado, por exemplo. Após uma lesão, é importante seguir as orientações do médico ortopedista sobre quais atividades são recomendadas. O ideal é consultar um profissional de saúde antes de iniciar os exercícios, para fazer uma avaliação, além de praticar as atividades com o acompanhamento de um educador físico.

Sobre o Dr. Bruno Pavei

O Dr. Bruno Pavei formou-se em Medicina pela Universidade do Extremo Sul Catarinense (UNESC), em Criciúma/SC. Fez residência em Ortopedia e Traumatologia pelo Hospital de Clínicas de Porto Alegre (HCPA) e completou sua formação em Cirurgia do Joelho no Instituto Cohen, em São Paulo/SP.
É membro da Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia (SBOT) e da Sociedade Brasileira de Cirurgia do Joelho (SBCJ). Atualmente possui consultório de Ortopedia e Traumatologia na Osteoclínica, em Criciúma-SC, conhecido como o maior centro de Ortopedia e Traumatologia do sul de Santa Catarina e faz parte do corpo clínico dos principais hospitais da região. Saiba mais clicando aqui.

As informações disponíveis neste site possuem apenas caráter educativo. Apenas uma avaliação com um profissional médico possibilitará o diagnóstico de doenças, a indicação de tratamentos e a prescrição de medicamentos.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on print
Share on email
Localização

Atendimento e contatos

Osteoclínica
Consultório em Içara